Em reunião realizada na tarde desta segunda-feira (3/10), a desembargadora Ângela Prudente, presidente da Comissão de Jurisprudência, Documentação e Memória, apresentou aos demais membros da comissão, desembargadores Eurípedes Lamounier e Pedro Nelson de Miranda Coutinho, para aprovação e deliberações, o Projeto de Revitalização do Sistema de Jurisprudência do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins (TJTO).
Na oportunidade, a desembargadora enfatizou a importância do projeto, explicando que a sua implantação contribuirá para “o fortalecimento das decisões judiciais, racionalização do julgamento de casos análogos, garantia da segurança jurídica, bem como para a coerência e a integridade dos provimentos judiciais”.
A desembargadora Ângela Prudente agradeceu aos presentes e enalteceu a parceria com a Coordenadoria de Gestão Estratégica (Coges), a Diretoria de Tecnologia da Informação (Dtinf) e a Diretoria Judiciária (Dijud), além dos gabinetes de desembargadores que, por meio de um processo participativo, contribuíram para a estruturação do projeto a partir das demandas e necessidades apresentadas nas reuniões técnicas realizadas durante este ano.
Participaram ainda da reunião, além dos desembargadores Ângela Prudente, Eurípedes Lamounier e Pedro Nelson de Miranda Coutinho, o diretor de Tecnologia da Informação, Ernandes Rodrigues da Silva; o coordenador de Gestão Estratégica e Estatística, João Ornato Benigno Brito; e os servidores: Ângelo Stacciarini Seraphin, Vinicius Teixeira de Siqueira, Kamilla Sousa Prado, Naura Stella Bezerra de Souza Cavalcante e Khayky Alexsandre Alves Silva.

Fotos: Rondinelli Ribeiro

Comunicação TJTO