A partir da próxima segunda-feira (10/5), 39 comarcas do Poder Judiciário de Norte a Sul do Estado começam a vacinação contra a influenza H1N1 (influenza quadrivalente). Em Palmas, onde a vacinação continua, já haviam sido aplicadas 664 doses até esta sexta-feira (7/5).

O cronograma vacinal abrange as comarcas de Miranorte, Miracema, Colinas, Arapoema, Colméia, Guaraí, Goiatins, Filadélfia, Pedro Afonso e Itacajá (de 10 a 13/5); Paraíso, Araguacema, Pium, Cristalândia, Gurupi, Peixe, Figueirópolis, Alvorada, Araguaçu e Formoso do Araguaia (de 12 a 20/5); Araguaína, Wanderlândia, Tocantinópolis, Itaguatins, Augustinópolis, Araguatins, Ananás e Xambioá (24 e 28/5); Novo Acordo e Ponte Alta (17/5); Porto Nacional (13/5),Natividade (31/5), Almas (31/5), Dianópolis (1/6), Taguatinga e Aurora (2/6), Arraias (19/5), Paranã (20/5) e Palmeirópolis (21/5).

Confira aqui os horários de vacinação em cada município. Podem se vacinar magistrados, servidores efetivos e comissionados, cedidos, estagiários, aposentados, militares cedidos ao Tribunal.

Recomendações

A recomendação é que as pessoas que já se curaram da Covid-19 possam se imunizar com influenza quadrivalente. Aos que estejam infectados ou com suspeitas do coronavírus no momento, a orientação é aguardar a recuperação clínica total por, no mínimo, quatro semanas antes de vacinar contra influenza. O Ministério da Saúde preconiza um intervalo de 14 dias entre as duas vacinas, ou seja, não recomenda a aplicação das duas vacinas ao mesmo tempo.

Texto: Glês Nascimento / Fotos: Rondinelli Ribeiro

Comunicação TJTO