O Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO), por meio do Espaço Saúde, iniciou vacinação de magistrados e servidores contra influenza H1N1 (influenza quadrivalente) nesta segunda-feira (3/5), no hall de entrada de sua sede em Palmas.

Podem se vacinar magistrados, servidores efetivos e comissionados, cedidos, estagiários, aposentados, militares cedidos ao Tribunal. Até o meio da tarde desta segunda, de acordo com o Espaço Saúde, haviam sido aplicadas 140 doses.

Os servidores que são de outras comarcas, mas que, por algum motivo, estão em teletrabalho em Palmas, podem tomar a vacina na Capital. A partir da próxima semana, será divulgado um cronograma de vacinação nas comarcas do interior, informou Regiane Peixoto, enfermeira do Espaço Saúde do TJTO. “A vacina contra Influenza é importante para diminuição do absenteísmo no trabalho e torna-se uma aliada ainda mais importante nos dias atuais que estamos vivendo, onde se evita sobrecarga no sistema de saúde. Quando há suspeita da Covid-19, por exemplo, o servidor, estando vacinado contra a gripe, não perde tempo buscando um diagnóstico”, explicou.

Recomendações

A recomendação é que as pessoas que já se curaram da Covid-19 possam se imunizar com influenza quadrivalente. Aos que estejam infectados ou com suspeitas do coronavírus no momento, a orientação é aguardar a recuperação clínica total por, no mínimo, quatro semanas antes de vacinar contra influenza. O Ministério da Saúde preconiza um intervalo de 14 dias entre as duas vacinas, ou seja, não recomenda a aplicação das duas vacinas ao mesmo tempo.

Texto: Glês Nascimento / Fotos: Rondinelli Ribeiro

Comunicação TJTO