Cartas podem ser sempre formas de estar presente e dar amor para quem está longe. E foi pensando em modificar para melhor o Natal de crianças da rede municipal de ensino e torná-lo especial, que o Tribunal de Justiça Tocantins (TJTO) abraçou a campanha “Papai Noel dos Correios”. Há 30 anos, as cartas com pedidos de crianças de todo o país são atendidas em uma grande corrente de amor, generosidade e solidariedade.

Atualmente, a ação une a empresa e a população, e ainda estimula as crianças no desenvolvimento de redação de cartas, já que alunos de escolas públicas são convidados a também expressarem seus desejos nas cartinhas. E a parceria do TJTO com a ação buscará atender o sonho contido em mais de 300 cartas, repletas de pedidos para o Bom Velhinho, que poderão ser retirados do papel pelos servidores e magistrados do Poder Judiciário tocantinense.

Para participar e adotar uma das cartinhas e ser Papai Noel de uma criança basta entrar em contato na sala do Centro de Comunicação Social do Tribunal de Justiça (Cecom-TJTO), ou pelo telefone 32184437. Os presentes podem ser entregues até o dia 13 de dezembro deste ano, no Cecom.

As cartinhas não precisam ser devolvidas, basta registrar o número contido em cada uma delas, que os Correios saberão onde localizar e entregar a doação para cada criança. E se não for preciso atender exatamente o que está na carta, toda doação será muito bem vinda para que elas não fiquem sem ganhar um presente.

Os Correios contam com a ajuda de milhares de padrinhos e madrinhas dispostos a fazer a magia do Natal acontecer. Qualquer pessoa, em qualquer lugar do país, também pode participar da campanha e fazer a alegria de uma criança. Então que tal adotar uma cartinha neste Natal?

Saiba mais no link.

Texto: Natália Rezende / Foto: Gabriela Almaeida

Comunicação TJTO