A servidora do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), Isabelle Wanderley Rodrigues, visitou na tarde desta quinta-feira (7/11), o Comitê de Monitoramento de Combate e Prevenção à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher - CPVID para troca de experiências e boas práticas que estão sendo realizadas nos dois estados.

Um dos exemplos apresentados por Isabelle foi o projeto Rádios Contra a Violência Doméstica (RCVD), que leva informações por meio das rádios do interior do Rio Grande do Norte falando sobre os cinco tipos de violência contra mulher, orientando também os homens. “Escolhemos o rádio porque ele atinge o maior número de pessoas, principalmente as de baixa renda e que são as que mais sofrem violência”, destacou.

Outro projeto desenvolvido pelo TJRN é o Programa de Apoio e Zelo aos Elos Sociofamiliares (PAZES), que são grupos reflexivos voltados para os homens envolvidos em situação de violência doméstica, com o objetivo de educá-los para que não cometam outras agressões.

“A visita foi muito proveitosa para a troca de experiências, vamos implantar muitos dos projetos apresentados”, avaliou a secretária do CPVID/TJTO, Alessandra Adorno.

Comunicação TJTO