A equipe da Ouvidoria Judiciária do Tribunal de Justiça do Tocantins realizou, na manhã desta quinta-feira (18/10), mais uma ação do projeto “Ouvidoria Judiciária vai à Escola”. Desta vez, os alunos do 2º ano da Escola Estadual Frederico José Pedreira Neto tiveram a oportunidade de aprender um pouco mais sobre os seus direitos e o trabalho da Justiça estadual.

Durante a ação, servidores do órgão promovem um momento de bate-papo com os estudantes com o objetivo de apresentar a Ouvidoria Judiciária e seu papel como canal de comunicação entre a comunidade e o Poder Judiciário. A intenção é contribuir para a formação cidadã dos alunos em busca do fortalecimento do regime democrático de direito. “Um cidadão consciente questiona, sugere, elogia e participa ativamente da construção dos seus próprios direitos”, destaca um dos objetivos previstos no projeto da Ouvidoria.

Na Escola Estadual Frederico José Pedreira Neto, cerca de 40 estudantes do 2º ano matutino assistiram à palestra. Para a estudante Karolayne Franco Correa, o encontro foi uma oportunidade de conhecer um pouco mais do Judiciário. “Muitas vezes a gente nem sabe como certas coisas funcionam. Essa palestra foi muito interessante pra mim e me deu até mais ânimo, já que quero fazer vestibular para Direito”, declarou.

A diretora da escola, Aurora Mazarello Silva e Souza, ressaltou a importância de ações como essa para aproximar o poder público da realidade dos estudantes. “Esses alunos estão se aproximando do momento em que irão entrar em uma faculdade ou ir para o mercado de trabalho. O mundo é cheio de adversidades, então, entender seus direitos é essencial. O Judiciário vir até a escola muda totalmente a perspectiva, para os alunos, de como a Justiça atua”, pontuou.

Cronograma

O projeto segue com mais palestras durante o mês de outubro. Na sexta-feira (19/10) será a vez da Escola estadual Vale do Sol receber a equipe da Ouvidoria. Já na próxima segunda-feira (22/10) o debate será na Escola Vila União; e no dia 25, o evento será na Escola estadual Santa Fé.

Conforme destacou a servidora da Ouvidoria, Alessandra Adorno, que participou da ação, o projeto criado em 2015 só vem crescendo ao longo dos anos. “O que mais chama a atenção é o reconhecimento que estamos tendo. No início, nós tínhamos que entrar em contato com as escolas para apresentar o projeto. Hoje em dia, as escolas já nos procuram, por já terem ouvido falar a respeito”, ressaltou.

As escolas que tiverem interesse em receber a visita da Ouvidoria Judiciária do TJTO, basta entrar em contato pelo número (63) 3218-4412/0800-6444334.

 

Texto: Davino Lima / Fotos: Rondinelli Ribeiro

Comunicação TJTO