O Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania da comarca de Araguaína – Cejusc realizou na sexta-feira (8/5) o primeiro encontro do curso de extensão em parceria com a Faculdade Católica Dom Orione. O objetivo é a formação e atualização de conciliadores sobre as técnicas de autocomposição de conflitos, para atuarem na redução da violência e na solução pacífica desses conflitos, buscando romper resistências culturais forjadas nos princípios de disputa, rivalidade e uso abusivo de poder.

A aula inaugural, que teve como tema “Comunicação não violenta”, foi proferida pelo professor mestre Maicon Rodrigo Tauchert, e contou com a presença da juíza coordenadora do Cejusc Araguaína, Umbelina Lopes Pereira, integrantes do Grupo de Práticas Restaurativas e componentes dos grupos de Pesquisa de Extensão de Práticas Restaurativas, como Conciliação Judicial, Justiça Restaurativa Penal e Justiça Comunitária.

Luiz Pires – Cecom/TJTO (Com informações do projeto Justiça Comunitária Araguaína, da Faculdade Católica Dom Orione)