Sistema de credenciamento viabilizará conciliadores e mediadores em todas as Comarcas

Mediadores e conciliadores credenciados junto ao Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) de Palmas participaram, nesta sexta-feira (11/05),de reunião com a coordenadora do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Soluções de Conflitos (Nupemec), juíza Umbelina Lopes Pereira, e o juiz coordenador do Cejusc da capital, Nelson Coelho Filho. Durante o encontro, os profissionais foram orientados e as dúvidas sobre sistema de credenciamento foram esclarecidas. Segundo a magistrada, a partir de agora, todas as 42 comarcas do Tocantins vão contar com mediadores e conciliadores em atividade.

O objetivo do credenciamento é possibilitar que mais profissionais realizem as audiências de mediação e conciliação. Ao todo, 36 profissionais já se credenciaram junto ao Poder Judiciário, seguindo as determinações do edital nº 1/2018, de 28 de fevereiro. Na comarca de Araguaína, os serviços começaram a ser prestados em abril; nas demais comarcas, reuniões estão sendo realizadas para promover orientações aos profissionais.

Segundo a coordenadora do Nupemec a perspectiva é de que, com o sistema de credenciamento, o atendimento à população seja aperfeiçoado. “A solução de conflitos de forma consensual, auxiliada por um mediador e conciliador, é o nosso objetivo. Vamos ter uma quantidade adequada de profissionais preparados para atividade”, ponderou a magistrada.

Edital aberto

O edital de credenciamento de mediadores e conciliadores continua aberto. Podem se credenciar pessoas que fizeram o curso de conciliação e mediação, colaboradores do Judiciário e prestadores de serviços que não tenham vínculo empregatício exclusivo. O interessado deve estar inscrito no Cadastro de Conciliadores e Mediadores do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins, disponível no site www.tjto.jus.br, e solicitar o credenciamento por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

É necessário ainda enviar ao Nupemec toda a documentação exigida e cumprir os demais requisitos do edital. Para mais informações ligue: 3218-4348.

Texto e fotos: Davino Lima

Comunicação TJTO