Por Dentro do Palácio da Justiça: Acadêmicos de Dianópolis visitam o TJ

Dando continuidade ao projeto educativo e cultural “Por Dentro do Palácio da Justiça”, o Tribunal de Justiça recebeu, na tarde desta quarta-feira (19/4), os acadêmicos de Direito do 5º período da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), Campus de Dianópolis.

Por meio de visita teatralizada, guiada pelo personagem Joaquim Theotônio Segurado, interpretado pelo ator Osmar Casagrande, os acadêmicos conheceram mais sobre a história do Poder Judiciário tocantinense.

Percurso

A turma percorreu o Salão da Autonomia e tiveram contato com as câmaras cíveis e criminais, local onde os desembargadores trabalham nos julgamentos dos processos em 2ª instância. Os estudantes ainda observaram as galerias dos ex-presidentes e dos desembargadores e tiveram acesso ao Tribunal Pleno, local onde são realizadas as sessões administrativas e judiciais.

O juiz da Comarca de Dianópolis e também professor da turma do 5º período de Direito da Unitins do Campus da cidade, Jossanner Nery Nogueira Luna, frisou que é imprescindível a aproximação dos alunos ao Tribunal de Justiça. “Essa visita faz uma ligação do que foi estudado na teoria dentro da sala de aula com o trabalho do Poder Judiciário na prática. É muito importante para os alunos essa vivência prática do sistema de Justiça, em especial, o Poder Judiciário”, pontuou.

O acadêmico Arlindo Fernandes Neto ressaltou a importância do projeto para a comunidade acadêmica do interior do Tocantins. “Por estarmos localizado em uma cidade do interior esse acesso é muito difícil. Hoje tivemos a chance de ter uma percepção muito mais próxima dos trabalhos da Justiça. Temos só a agradecer este momento”, disse.

Visita ao gabinete da presidência

Ao final do percurso, o presidente do TJTO, desembargador Eurípedes Lamounier, recebeu os acadêmicos no gabinete da presidência e ressaltou a importância do acesso da comunidade ao Judiciário. “Não resta dúvidas de que o ‘Por Dentro do Palácio da Justiça’ é um projeto inovador, que busca o contato dos cidadãos com o sistema de Justiça, e também mostra que nós, desembargadores e juízes, somos pessoas comuns e estamos abertas ao diálogo. A oportunidade dos acadêmicos virem até nós, estabelece uma relação que possibilita o intercâmbio posterior quando eles estiverem atuando como profissionais”, afirmou.

A acadêmica Janaina Almeida aproveitou a oportunidade para agradecer pessoalmente ao presidente do TJ. “Foi um momento ímpar na nossa vida e de suma importância para a nossa formação. É valioso como estudante de Direito conhecer a estrutura da Justiça no Tocantins”, afirmou.

 

Ninah Beatriz – Cecom/TJTO